De malas feitas...

Pois é, chegou o dia.

As malas estão prontas e espero não me esquecer de nada importante. Cá vou eu, dar o salto para uma nova vida. A fazer figas e só com um pensamento... Tudo vai correr bem!

É assim que fecho a porta de uma etapa da minha vida e abro as asas no caminho de outra.

Vamos a isso, sem medos. Quem não arrisca nunca saberá!


29 de maio de 2011

A festa frisia

Este fim de semana foi, ou melhor, devia ter sido um fim de semana cultural. A "festa frisia", onde se pode ver e viver a cultura desta zona da Holanda... assistir a concertos, teatros, exposições, etc...
Mas o mau tempo não nos deu grandes hipoteses de andar pelas ruas... a chuva e o vento que se fez notar todo o fim de semana, estragou e fez com que a maior parte dos concertos fossem cancelados.
Deu só para uma voltinha rápida pelas ruas, ver o mercadinho, o teatro de rua para crianças e o de marionetes (só mesmo uns minutinhos) e uma exposição de fotografia... foi pena, mas o São Pedro não foi muito amigo nestes dias... Agora é esperar pela próxima. :(

21 de maio de 2011

Sacos e saquinhos :)

Hoje foi dia de passeio e de compras :)

No centro da cidade deparámo-nos com um grupo de musica escoceses muito giro. Adoro o som da gaita de foles ;). Pequeno almocinho e preparamo-nos para o dia.


Fomos até ao Batavia, um outlet ao estilo do Campera a mais ou menos 1 hora de caminho.
O conjunto de lojas está construído de forma a parecer que estamos dentro de um barco, tipo a nossa caravela e bem pertinho da água.
É um centro comercial ao ar livre com lojas apeteciveis.... como Ralph Lauren, Gant, Geox, Desigual, e todas aquelas que existem por aí... (tirando a zara e o seu grupo, que quase não existe por aqui). Sempre que entrava numa destas lojas que mencionei, vinha-me á cabeça a minha irmã e sobrinhos e só me apetecia comprar tudo... mas contive-me e deixei isso para mais perto do Natal ;).
Vim cheia de saquinhos para casa e sem gastar muito! :))
Tenis para correr, para os dois... ti-shirts, sapatos... e a próxima visita já está agendada.
Muito bom, muito agradável, e um passeio diferente.
É claro que se encontra de tudo, assim como em todos os outlets, há coisas que nem oferecidas... ahahaha, mas... também se encontram coisas muito giras a bons preços, e outras a que pensamos... Isto tem desconto??? Possassssssssssssssssss!!!!



Durante o almoço, na esplanada com uma bonita vista, tivemos uma agrdável companhia ;)

19 de maio de 2011

Mais um dia de folga... mais uma dia de chuva :(

Pois é... parece que sempre que tenho folgas inesperadas a meio da semana, (que, além de não ser muito bom para a carteira, fazem-me bem ao espirito... e ao corpo... ahahah) está de chuva, e estou sozinha... BOLASSSS... não tenho sorte nenhuma! :(
Bem... deu para descansar, dar uma volta r´pida pelo centro e "lojar" um bocadinho, ver um filme e aguardar pela final da Europa League. Era engraçado ser o SCBraga a ganhar... mas não foi, como o previsto. O que interessa mesmo aqui, é ter 2 equipas portuguesas a disputar a final para ser campeão europeu, e sim, posso dizer que nestes casos, é um orgulho ser portuguesa... pena que só consiga pensar assim em tão poucas coisas... enfim... foi o que os portugueses fizeram com Portugal (e claro, não excluo ninguém, nem mesmo eu, pois agora, estando aqui, mesmo que por pouco tempo, consigo perceber os erros graves que cometemos ao nivel do consumismo... os holandeses não são nada assim... pedir empréstimos??? só mesmo para a casa e tem de ser muito ponderado).
Bem... como hoje já foi dia de trabalho (e de sol... :( pfff), tenho de ficar por aqui e ir á minha vidinha.
Beijinhos e Tot ziens

8 de maio de 2011

Por terras alemãs... e uma feira histórica na Holanda

Este fim de semana, foi o fim de semana de passeio... fomos até a Alemanha (Bremen) e foi muito giro.
Bremen não fica muito longe daqui, e vale a pena visitar.
É uma cidade cheia de história, de paisagens, de arquitectura, museus, e também de bares, esplanadas e vida nocturna.
Tivemos a sorte de estar um sol magnifico e uma temperatura de verão muito boa, o que deu para passear pelos cantinhos todos da cidade.
Uma cidade que não participou muito na guerra, e por isso mesmo conseguiu manter o seu património. Aquele que sofreu danos, foi muito bem restaurado.
É claro que durante este passeio, não podia faltar a cerveja (para mim foi branca muito suave e fresquinha), a bela da salsicha cheia de molho picante e batatas fritas... eheheheh... muito bom!!!
Da vida nocturna, posso contar que vi mais de 14 despedidas de solteiro... (de manhã, assistimos a um casamento... eheheh), e como foi dia de futebol, também havia centenas de adeptos dos 2 clubes, a conviverem muito bem, cheios de copos de cerveja vazios e a cantar as belas das suas musicas, como se fossem eternos amigos e nunca rivais. Achei isto muito curioso, e tentei imaginar uma cena destas em Portugal... hmmmmm... IMPOSSIVEL!!! lolllll
Outra curiosidade... a caminho do hotel, tinhamos de passar no meio do parque... verde e verde, com flores muito cheirosas, muito agradável, e sempre cheio de gente... mas, nesta caminhada, depois da salsicha, e no meio de tanta gente, vimos coelhinhos, todos contentes a correr e a comer, no parque, como se nada fosse e como se, em vez de uma grande cidade, estivessemos no campo. Lindo!!!
A caminho de casa, passámos por vários locais, pois evitámos sempre a auto-estrada. E este é mais uma dica para quem quiser fazer este passeio, pois os bosques, as flores, as vilas... vale a pena ver!
Foi mesmo um passeio muito bom e acreditem que vou repetir!!!

Deixo-vos com algumas fotografias...










video


Na chegada á Holanda, deparámo-nos com um amontoado de gente e de carros, e curiosos como somos... hmmm, vamos parar e ver o que é... QUE SORTE A NOSSA!!!
Era a festa/feira anual que comemora a guerra com os espanhois.
Onde há tasquinhas, feirantes mediavais e a demonstração da guerra e das lutas. Muito giro, a fazer lembrar a nossa querida feira mediaval de Óbidos.
Foi mesmo sorte, pois para além de não fazermos a minima ideia de que isto existia, esta feira também só acontece durante 2 dias por ano!
Os trajes, a musica, o rufar dos tambores, o som dos disparos de espigardas e dos canhões... não muito agradável de ouvir, quando se está mesmo ao lado, o que foi o meu caso.
Mas foi engraçado e enriquecedor culturalmente, e fez-me recordar as nossas noites tão divertidas de Óbidos.
Com certeza, a repetir no ano que vem... ;)








4 de maio de 2011

Uma curiosidade para os desatenos ;)

Hallo, hoje venho aqui postar uma informação (util ou não), como mera curiosidade para muitos de vocês.

Pois é, hoje é dia 4 de Maio, ou seja, dia de lembrar os mortos (Dodenherdenking) da Segunda Guerra Mundial. Mas hoje em dia, o significado deste feriado tem-se expandido, e também se homenageam as pessoas mortas em missões das Nações Unidas.
Amanhã, dia 5 de Maio é o Dia da Libertação (Bevrijdingsdag). Celebração da capitulação alemã na Segunda Guerra Mundial. Feriado nacional só cada 5 anos.


"Quando os holandeses falam da "guerra", referem-se à Segunda Guerra Mundial. Embora já se tenham passado 64 anos, o povo holandês não quer esquecer da guerra. Quatro em cada cinco holandeses quer continuar a homenagear os mortos da Segunda Guerra e celebrar a liberação da ocupação nazista. Mesmo que em breve não haja mais ninguém que tenha vivido a guerra.

No dia 5 de maio de 1945, o general alemão Blaskowitz assinou no Hotel De Wereld, na cidade de Wageningen, a capitulação das tropas de ocupação alemãs na Holanda. Cinco anos de guerra deixaram uma marca profunda no país: 7900 militares, 88900 civis e 106 mil judeus holandeses foram mortos.
As vítimas são lembradas e homenageadas todos os anos, desde 1946, no dia 4 de maio. A celebração nacional da homenagem aos mortos da Segunda Guerra é sempre na praça central, a Dam, onde está o Palácio Real, em Amsterdã, aos pés do Monumento Nacional. Coroas de flores são colocadas na presença da rainha e das principais autoridades do governo, que fazem discursos e, exatamente às 20 horas, o país inteiro faz dois minutos de silêncio.

No dia seguinte, 5 de maio, comemora-se o Bevrijdingsdag, que celebra a liberação da ocupação nazista, também com discursos, mas principalmente com grandes comemorações e festivais de música.
Tradição
Os holandeses são bastante apegados às homenagens e comemorações tradicionais e, uma recente pesquisa feita pelo Comitê Nacional, confirmou que a maioria quer continuar a celebrar os dias 4 e 5 de maio.
Como há cada vez menos holandeses que viveram, conscientemente, a guerra, o comitê sempre pesquisa se ainda há apoio suficiente da população para a celebração anual. Mas o apoio continua muito grande: 86% dos holandeses acham que a homenagem às vítimas é importante e 78% acham o mesmo da celebração anual da liberação da ocupação. Mesmo que logo não existam mais sobreviventes daquele período.
Silêncio
Mais da metade dos holandeses silencia às 20 horas do dia 4 de maio, em lembrança às vítimas da Segunda Guerra. Entre os jovens de menos de 25 anos e holandeses de origem estrangeira, apenas 40% fazem os dois minutos de silêncio.
Um em cada três holandeses celebra o Bevrijdingsdag em 5 de maio. A maioria cita o fim da guerra em 1945 como o principal motivo, mas também o fato de que ‘a Holanda é um país que pode viver em liberdade e paz'. "
                                                                                         Informação retirada da Radio Netherlands Worldwide

3 de maio de 2011

Cores de Primavera

Hoje foi dia de folga...
Dia de dormir até mais tarde, de limpezas, compras e um pequeno passeio por aí... respirar ar puro pelos campos... Soube mesmo bem! Depois de fim de semana agitado e pouco descanso, soube mesmo bem.
A Primavera é bonita em qualquer parte, mas aqui, os salpicos de cor por entre o verde dos campos, o som dos pássaros e o tempo ameno, fazem dias simples como o de hoje com um brilho muito especial.
Aqui vos deixo com estas cores de que falo.
Os campos de tulipas...


1 de maio de 2011

Koninginnedag :D

Hallo mijn vrienden, hier ben ik...
Sobrevivi ao Koninginnedag (Dia da Rainha), a grande festa por tudo quanto é cantinho da Holanda.
Pois bem, como um amigo meu disse, "este dia tem tudo haver com bebida e muito pouco com a Rainha".... ahahahah
Sim, muitos brindes a tudo e a todos, e muitos mais á Rainha. Música, feira, animação para dar e vender.
Estou aqui, de pé... sim, porque para mim, foi dia de trabalho, ás 5.00h já estava de pé e ás 1´3h, já andava a festejar, claro que com estes horários, depois de uns brindes, ver a feira e dançar... ás 19h, estava a dormir.
Mas deixo aqui a minha mensagem.
Se quiserem visitar a Holanda por esta altura, preparem-se para uma grande confusão, muitos adereços laranja, e muita bebedeira. (nada a que não esteja habituada, pois aqui é um dia, e nós temos o carnaval, que para mim são... pffff... 10?!?!?!)
Mas vale a pena ver o espirito patriota!
Beijinhos,